sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Ativistas uruguaios são detidos após receberem sementes de maconha


Dois ativistas da legalização da maconha no Uruguai foram detidos e estão à disposição da justiça após receberem sementes de cannabis vindas da Espanha, confirmaram nesta quarta-feira fontes policiais.

O Parlamento uruguaio discute atualmente a legalização do comércio e da produção de maconha. Os detidos são a presidente da Associação de Estudos sobre a Cannabis do Uruguai e um sócio fundador, que é seu marido.

O casal recebeu sementes de diferentes variedades de cannabis em um pacote que chegou por correio aéreo proveniente da Espanha. O consumo de maconha não é passível de punição no Uruguai, mas a produção e o comércio são considerados crimes.

Como parte do procedimento policial foi feita uma revista na casa do casal, onde foram encontradas plantas de maconha. Os detidos foram colocados à disposição da justiça.

O governo uruguaio apresentou ao Parlamento no mês de agosto um plano com o qual pretende legalizar o comércio de maconha e fazer com que o Estado se encarregue da sua produção e distribuição com o objetivo de 'tirar parte do mercado' das máfias do narcotráfico.

0 comments:

Postar um comentário

 
 

NÃO COMPRE, PLANTE!

 

Vamos curtir galera!

Colaboradores

Esquadrilha da Fumaça

Visitas

 
Real Time Web Analytics