segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

10 maneiras de se controlar com os comestíveis de maconha

comer cannabisComestíveis feitos com maconha são a forma mais potente para se obter a onda (lombra) da planta, mas se você não tem conhecimento sobre a etiqueta dos comestíveis, você pode facilmente passar por apuros, se sentindo sobrecarregado com tanta informação e simplesmente não saber como lidar com aquilo. Com essas dicas, você pode evitar as armadilhas, e tornar-se um verdadeiro mestre das comidinhas verdes.

Com a legalização da maconha, o estado do Colorado, nos Estados Unidos, tornou-se uma nova meca para os entusiastas da maconha em todo o mundo. Agora, é um símbolo do progressismo, e exemplo para os outros seguirem. No entanto, seria tolice pensar que a legalização total da maconha não teria alguns solavancos que precisam ter suas arestas aparadas, e os solavancos vieram na forma de comestíveis, com vários relatos de cidadãos inocentes assumindo que experimentaram sensações mais fortes do que eles podiam lidar. Isso é uma vergonha, porque comestíveis são ótimos! Mas eles podem facilmente sobrecarregar os despreparados, e tornassem difíceis até mesmo para o mais experiente dos fumantes.

Quando você fuma a cannabis, você tem grande controle sobre a administração do seu barato, você fica totalmente capaz de parar a qualquer momento e se tocar da realidade (as vezes ficamos muito chapados mesmo, mas convenhamos que é sempre algo fácil de se controlar), e o efeito não dura muito tempo; este não é o caso com os "inocentes" comestíveis, e depois de você ter consumido um, você já está de embarque feito dentro de um avião, com as portas fechadas, sem chances de vola e pronto para um longo passeio.

Quando se trata de comestíveis de maconha, a coisa mais importante a fazer, acima de tudo, é obter a dosagem adequada na sua receita, sem exageros. Isso pode ser notoriamente difícil de ser feito, e varia de acordo com o seu metabolismo e o seu peso - e claro, a força da erva usada para cozinhar.

Para ajudá-lo a iluminar o seu caminho, reunimos 10 dicas práticas que lhe permitirão superar as potenciais surpresas durante uma viagem com comestíveis de maconha, e a dominar essa besta quase incontrolável.

1. Começar por baixo, vá devagar
Tomar muito cuidado com o excesso de maconha na dosagem, pois comer a quantidade certa de cannabis pode ser um negócio complicado de se medir. Pode demorar uns bons 45 minutos até uma hora para que a cannabis seja digerida e comece a fazer o efeito, para então se saber o quanto você realmente vai atingir. Novos usuários podem facilmente tornassem impacientes, comer mais alguns cookies ou brownies para tentar fazer o efeito bater - e tudo isso fará apenas que descobram que eles serão jogados para fora de um penhasco quando finalmente atingirem o máximo de efeito desses comestíveis, ai então será tarde demais para lamentar. A melhor coisa a fazer é comer uma quantidade pequena e esperar para que essa quantidade faça efeito - porque vai fazer. Dessa forma, você não ficará sobrecarregado. Uma vez que tenha batido o efeito, você pode enfim decidir se precisa comer mais, mas, agora imagine o contrário, se você tiver exagerado antes e se arrepender do excesso, não terá mais o que fazer, então vá com calma. Se você estiver fazendo seus próprios comestíveis, é uma boa ideia que comece com um quarto de um grama e veja como isso afeta você. A partir daí, aumente gradativamente, até que tenha encontrado o ponto ideal.

2. Fique longe de bebidas alcoólicas quando fizer o uso de comestíveis de maconha
Claro, uma cerveja gelada, pode ser um ótimo acompanhamento para um bom baseado, mas o álcool com comestíveis de maconha são uma coisa totalmente diferente. Misturar algumas cervejas ou outras bebidas com os comestíveis pode causar tanto náuseas quanto tonturas, por isso melhor não querer gastar sua viagem com momentos ruins, pois eles são tão potencializados quanto os momentos bons.

3. Comer uma boa refeição primeiro
Comer comestíveis de maconha estando com o estômago vazio vai fazer você ter uma experiência forte, realmente muito, muito forte. Certifique-se de ter comido algo decente para forrar o estômago, uma refeição saudável antes de pensar em começar a comer sua ganja.

4. Mantenha comidas NÃO EMACONHADAS sempre por perto
Quando você comer alguma coisa feita corretamente com maconha, você vai sentir mais fome. Larica do mesmo jeito como se tivesse fumado. Isto por sua vez, incentiva você a comer mais comestíveis com infusão de maconha, potencialmente te derrubando ao longo da jornada. Certifique-se de manter alguns lanches normais sempre por perto, para que possa se alimentar sem aumentar a dosagem ainda mais.

5. Mantenha o seu esconderijo de biscoitos LONGE DAS CRIANÇAS
Não é realmente algo extremamente claro como um céu cheio de fogos de artifício. As crianças não sabem a diferença entre comidas infundidas com cannabis e as que não contenham cannabis , e eles são propensos a comer qualquer coisa que pareça atraente, e os doces infundidos com maconha são tão atraentes quanto os normais. Mantenha-os fora da vista e trancados. Afinal, até mesmo adultos não saberão diferenciar facilmente, e podem comer por acidente

6. Coloque etiquetas nas suas criações caseiras
As crianças não são os únicos que podem tornar-se alvos facilmente enganados por um doce aparentemente saboroso, como dito acima. Certifique-se de rotular qualquer coisa que você faça com a sua maconha - você não quer voltar para casa para encontrar o seu marido/esposa pirando na cozinha, porque sem querer comeu um brownie ou um cookie de maconha.

7. NÃO dirigir/pilotar qualquer tipo de veículo
Outro grande engano, mas você pode ser surpreendido como muitas pessoas pensam que é tranquilo dirigir depois de comer um cookie de maconha, como se tivesse apenas fumado um fininho. Não só você vai estar ajudando a aumentar a imagem negativa que as pessoas têm sobre a maconha, mas como você inevitavelmente vai se machucar, você também poderia machucar alguém no processo. 

Comestíveis de maconha podem de fato ter um efeito diferente do álcool, mas com certeza você não fica nem um pouco sóbrio depois de comer algo com maconha, talvez eu possa descrever um afeito muito mais pro lado psicodélico, realmente potente, então não faça essa besteira.

8. NÃO se apavore jamais
Se você achar que você comeu mais do que você podia suportar, o importante é não surtar. É impossível exagerar na dose de comestíveis de maconha, mas você vai ficar bem, acredite. Basta tentar e pensar positivamente e sempre de forma calma, e encontrar um lugar confortável, apenas com pessoas de sua confiança, ou ficar sozinho na cama, para refletir um pouco com total sossego. Provavelmente, você vai chegar a adormecer, reduzindo consequentemente o tempo que voc~e suportará a onda conscientemente, te livrando de um trabalhão em caso de estar em um local do qual você tenha que se privar da sua lombra.

9. Considere manter alguma porção de CBD puro na mão
Outra opção que você pode tomar quando você tiver consumido demais e está com desconforto é estourar uma cápsula de CBD puro. o CBD é um dos canabinóides não psicoativos encontrados dentro da cannabis, e é conhecido por contrapor os efeitos do THC. Você vai descobrir que aumentando seus níveis de CBD você pode tomar uma dose extra de tranquilidade, sem pânico e paranoia que potencialmente caminham lado a lado com o consumo de muito THC. Mas é claro que essa opção, no Brasil, é restrita àquelas pessoas que produzem o próprio óleo de CBD em casa, ou que possam comprar CBD através da internet.

10. NÃO é brincadeira, alguém pego de surpresa nunca é engraçado!
Você pode pensar que isso soa como uma boa ideia fazer a pegadinha de dar a um amigo alguns biscoitos feitos com maconha sem que ele saiba disso, mas não é engraçado, é criminal, extremamente irresponsável, e muito angustiante para a pessoa que está sofrendo a brincadeira. É uma certeza de que na melhor das hipóteses, você perderá um amigo, e na pior das hipóteses, acabará em um tribunal sendo processado quem sabe por homicídio!

Para fim de papo, você tem que tratar os comestíveis de maconha com o devido respeito, especialmente se você nunca tiver provado nenhum antes. Enquanto você mantiver algumas regras básicas em mente, você vai rapidamente dominar os efeitos e abrir toda uma porta para uma nova forma divertida de apreciar sua erva generosamente presenteada pela mãe natureza.

1 comments:

Unknown disse...

Boa noite,
Um salve pra toda galera cannabica

Mano,
Licença ai p falar outra parada
Eu to com um pézinho (meu primeiro) que está prestes a colher. Eu preciso msm cortar o pé todo?? Não tem como eu cortar apenas os camarões e deixar alguns p q a planta continue viva e rendendo novos buds??

Postar um comentário

 
 

NÃO COMPRE, PLANTE!

 

Vamos curtir galera!

Esquadrilha da Fumaça

Visitas

 
Real Time Web Analytics