quinta-feira, 30 de junho de 2011

Cânhamo: matéria-prima do futuro


Nem todo mundo sabe, mas as fibras do cânhamo (a conhecida maconha) podem ser utilizadas para fabricar roupas, levantar paredes e compor a estrutura de um carro, devido à sua resistência (ela é duas vezes mais forte que outras fibras orgânicas). Outra importante função do cânhamo está ligado à fabricação de biocombustíveis.

Fazendo um comparativo entre o combustível provindo do petróleo e o biocombustível provindo do cânhamo chegamos a conclusão:
  • O cânhamo pode ser produzido domesticamente, o petróleo não
  • O cânhamo é uma fonte renovável, o petróleo não.
  • O cânhamo traria lucro para fazendeiros e melhoraria a economia de um modo geral, o petróleo não
  • O petróleo é perigoso de manipular e estocar, o cânhamo não
  • O petróleo contribui com o aquecimento global, o cânhamo não
  • O petróleo é altamente tóxico para animais e humanos, o cânhamo não
  • Um pequeno acidente com petróleo vira uma catástrofe, com o cânhamo não
  • O petróleo contribui na formação de chuva ácida, o cânhamo não
No Canadá, onde a produção do cânhamo é permitida, a indústria do biocombustível já acrescentou 2 bilhões de dólares na sua economia anual.Com um investimento direto de pouco mais de 2 bilhões de dólares para o período de construção e adaptação para a produção de biocombustíveis, o Canadá obeteve um lucro líquido (após deduções) de quase 3 bilhões de dólares, além de mais de 14 mil empregos diretos e indiretos gerados.

0 comments:

Postar um comentário

 
 

NÃO COMPRE, PLANTE!

 

Vamos curtir galera!

Colaboradores

Esquadrilha da Fumaça

Visitas

 
Real Time Web Analytics