domingo, 26 de fevereiro de 2012

Estudo sugere que a aprovação da maconha medicinal diminui os índices de suicídio entre jovens


O Professor da Universidade do Colorado, Daniel Ross, realizou uma pesquisa que mostra evidências da queda da taxa de suicídios entre jovens, depois que o estado legalizou a maconha medicinal.
Eles oferecem evidências de que a maconha age como antidepressivo quando usado com moderação, mas também observar que o uso de maconha em quantidades maiores pode realmente levar à depressão.

Eles também observam que a venda de álcool a jovens do sexo masculino diminui em estados que legalizam a maconha medicinal e nota que o álcool é um depressor do conhecido cuja utilização pode levar a pensamentos suicidas.

Usando o estado de nível de dados para um período de 1990 a 2007, estimou-se o efeito da legalização da maconha medicinal em taxas de suicídio. Os nossos resultados sugerem que a aprovação de uma lei de maconha medicinal é associado com uma redução percentual quase 5 na taxa de suicídio total, uma redução de 11 por cento da taxa de suicídionas pessoas de 29 anos de idade do sexo masculino, e uma redução de 9 por cento na  taxa de suicídio de 30 a 39 anos de idade do sexo masculino.

Concluímos que a legalização da maconha medicinal leva a uma melhora no bem-estar psicológico dos homens adultos jovens, uma melhoria que se reflete no número de suicídios a menos.

0 comments:

Postar um comentário

 
 

NÃO COMPRE, PLANTE!

 

Vamos curtir galera!

Colaboradores

Esquadrilha da Fumaça

Visitas

 
Real Time Web Analytics