terça-feira, 3 de abril de 2012

Ministro das Relações Exteriores da Austrália pede a descriminalização das drogas


Bob Carr, ministro das Relações Exteriores da Austrália, cujo irmão morreu após uma overdose de heroína, pediu a descriminalização do baixo nível de uso de drogas como a maconha, depois que um relatório concluiu a guerra contra o flagelo passada pelo mundo através dos EUA está perdida desde que começou.

Os comentários do ministro, no entanto, foram em desacordo com o que pensa Julia Guillard, primeiro – ministro, que afirma que a resposta oficial do governo é mesmo um policiamento mais ostensivo. Contudo, a palavra de Carr parece mais convincente e humanitária.

"Um pouco de descriminalização, a descriminalização de fato nas bordas, simplesmente para que se libere a polícia para fazer as coisas que eles deveriam estar fazendo, como cuidar dos verdadeiros crimes, seria uma forma sensata de fazer isso", afirmou o Ministro das Relações Exteriores.

Desta forma segundo ele, a polícia patrulhando e indo atrás dos verdadeiros crimes “não teríamos exércitos de policiais patrulhando  boatese bares com a esperança de arrebatar alguém que tem um comprimido de ecstasy no bolso ou dentro de uma bolsa.” .

Durante seu tempo como primeiro-ministro de Nova Gales do Sul, o Sr. Carr efetivamente eliminou a sanções penal para o uso da maconha. Carr também foi o primeiro político a inaugurar salas para uso de heroína, aplicando o conceito de redução de danos para usuários deste tipo de entorpecente.

"A principal mensagem é que temos 40 anos de experiência de uma abordagem a lei ea ordem às drogas e ela simplesmente falhou", afirmou Carr.

0 comments:

Postar um comentário

 
 

NÃO COMPRE, PLANTE!

 

Vamos curtir galera!

Colaboradores

Esquadrilha da Fumaça

Visitas

 
Real Time Web Analytics