quinta-feira, 14 de junho de 2012

Primeira revista canábica do Brasil chega em Fortaleza


A revista “Sem Semente”, publicação de ativistas em defesa da legalização da maconha, chega a Fortaleza nesta quinta-feira, 14, com informações sobre estudos e mudanças na legislação quanto a erva no Brasil e também no exterior.

De acordo o responsável pela distribuição na Capital, José Pinheiro Júnior, 22, a revista é uma iniciativa de um grupo de ativistas de todo o Brasil que luta, há oito anos, pela legalização da maconha.

A Sem Semente é a primeira revista brasileira sobre a cultura canábica e será vendida a R$ 11,90. “A revista chegou hoje (quarta-feira, 13) e estamos realizando a contagem, mas vai estar disponível para vendas amanhã na banca Avenida Show, localizada na Avenida Dom Luís”, afirma.

Além de ser distribuidor, Júnior é ativista da causa e ajudou na organização da Marcha da Maconha em Fortaleza. Ele planeja aumentar a distribuição dos exemplares no Interior. “Vamos divulgar no Interior quando estiver com mais estabilidade”, informou.

O ativista acredita que as dicas de cultivo da maconha não fazem apologia ao uso de drogas, em virtude de que para cultivar a maconha em casa é passível da autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). “As revistas de armas ensinam a manuseá-las, mas as pessoas só podem ter uma arma em casa com autorização do Ministério da Justiça”, compara o jovem. “O nosso objetivo é estimular aos usuários que eles parem de comprar pelo tráfico porque eles vão enfraquecer o crime organizado”, completa.

0 comments:

Postar um comentário

 
 

NÃO COMPRE, PLANTE!

 

Vamos curtir galera!

Colaboradores

Esquadrilha da Fumaça

Visitas

 
Real Time Web Analytics