quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Menino de 12 anos trata câncer com maconha


Quando falamos em maconha medicinal existe um grande equívoco por parte da sociedade que logo pensa apenas no ato de fumar as flores para ficar ‘chapado’, esquecendo a terapia com alimentos de cannabis ou até mesmo tratamentos que envolve maconha que não te dá a “sensação de alta”, característica de quem fuma maconha.

O garoto David Sabach, de 12 anos virou notícia, depois da divulgação do seu tratamento contra o câncer que é a base de um tipo especial de maconha, desenvolvida por cientistas israelenses conhecida como “maconha sem barato”.

Em sua casa, em Israel, David guarda fotografias que são um registro dramático de seu estado há dois anos. Na época, por causa da quimioterapia, ele perdeu todo o cabelo e seu peso chegou a metade do que é hoje.

"Eu costumava tomar morfina para a dor, mas o efeito não durava mais que alguns minutos", conta o menino. Hoje, David recebe doses da maconha especial, adicionada a chocolates, biscoitos e bolos. "O efeito da cannabis dura todo o dia. Sinto-me muito melhor. Finalmente, posso andar sem chorar por causa da dor nas pernas", diz.

A maconha medicinal tem sido usada em Israel desde os anos 90 para o tratamento de uma série de doenças, entre elas câncer, Mal de Parkinson, esclerose múltipla e síndrome de Tourette. Recentemente, porém, cientistas ligados à empresa Tikkun Olam desenvolveram um tipo especial dessa maconha neutralizando a substância THC (tetrahidrocanabinol), que gera os efeitos cognitivos e psicológicos da droga.

Além disso, a nova variedade da planta tem uma concentração mais elevada da substância canabidiol (CBD), um poderoso anti-inflamatório.

0 comments:

Postar um comentário

 
 

NÃO COMPRE, PLANTE!

 

Vamos curtir galera!

Esquadrilha da Fumaça

Visitas

 
Real Time Web Analytics