terça-feira, 6 de novembro de 2012

Maconha vendida pelo governo uruguaio vai ser de melhor qualidade e mais barata

O polêmico projeto do presidente José Mujica, que pretende estatizar a maconha no Uruguai parece estar avançando. Segundo o diretor do Conselho Nacional de Drogas, Júlio Calzada, a maconha que será vendida pelo governo vai se de melhor qualidade e com o menor preço da comercializada atualmente no mercado negro.

"Hoje, a maconha é consumida no mercado negro (...) chega misturada com substâncias que não são necessariamente maconha" ou contém "as partes da planta que não são destinadas ao consumo humano, tais como folhas, caules e outros. A que o Estado vai fornecer é uma substância de qualidade superior a essa", afirmou Calzada ontem em um coletiva para a imprensa.

"No mercado negro, hoje, 25 gramas de maconha custam 500 pesos (25 dólares)", acrescentou o diretor.
Um projeto de lei para regulamentar a produção e venda de maconha foi apresentado no início de agosto no parlamento uruguaio. O Legislativo também tem a intenção de autorizar o cultivo de maconha para consumo pessoal.

Segundo a imprensa local, cada consumidor teria um cartão pessoal anônimo com código de barras dando direito a 40 gramas de maconha por mês. Deste modo, o governo evitaria o registro dos consumidores, tal como inicialmente discutido.

"Seria um documento anônimo, sem foto, sem o nome do titular, que seria usado para controlar o consumo", disse Calzada ao jornal La Republica.

O projeto do governo visa a combater a violência gerada pelo consumo e o crescente tráfico de "pasta base", um derivado da cocaína mais barato com efeitos devastadores sobre os consumidores.

Hoje, o consumo e a posse para uso pessoal de maconha não são punidos no Uruguai, mas a comercialização e o cultivo são proibidos. Estima-se que 20.000 pessoas consumam regularmente maconha neste pequeno país de 3,2 milhões de habitantes.

2 comments:

Furion Fox disse...

partindo imediatamente pro Uruguai :D

bruno silva disse...

legalize ja no Brasil

Postar um comentário

 
 

NÃO COMPRE, PLANTE!

 

Vamos curtir galera!

Esquadrilha da Fumaça

Visitas

 
Real Time Web Analytics