segunda-feira, 4 de junho de 2012

Marcha da Maconha de Florianópolis reuniu 3 mil pessoas


A cidade de Flórianópolis, em Santa Catarina, recebeu na tarde do último sábado, a 5ª edição da Marcha da Maconha.

Segundo Lucas de Oliveira, presidente do Insituto Cannabis, organização formada por estudantes da 
Universidade Federal de Santa Catarina (Ufsc), o evento contou com cerca de três mil participantes. A concentração começou por volta das 16h no trapiche da avenida Beira-Mar.
De lá, o grupo partiu pela avenida empunhando faixas e cartazes pela legalização da maconha, e caminhou por cerca de uma hora pela avenida.

Segundo Oliveira, graças à cooperação dos manifestantes, o ato foi pacífico, e transcorreu sem nenhum incidente. A Polícia Militar de Florianópolis afirmou que a manifestação foi acompanhada pelo Tenente Coronel Araújo Gomes, do 4º Batalhão da Polícia Militar, e que nenhuma ocorrência foi registrada.
Após a caminhada, shows de cinco bandas animaram o público, que só começou a dispersar por volta das 22h.

O objetivo do protesto, afirma Oliveira, é expor as vantagens da legalização da cannabis tanto no aspecto de mercado quanto na segurança pública, por exemplo. "O Brasil movimenta R$ 400 bilhões por ano em drogas, e 80% do valor é em cannabis. Se você tira essa fonte de financiamento do tráfico e leva para o Produto Interno Bruto, está agregando valor, produzindo emprego e renda para a população", argumentou.

0 comments:

Postar um comentário

 
 

NÃO COMPRE, PLANTE!

 

Vamos curtir galera!

Colaboradores

Esquadrilha da Fumaça

Visitas

 
Real Time Web Analytics