domingo, 16 de dezembro de 2012

A maconha deve ser legalizada!


O consumo humano de maconha teve início no terceiro milênio a.C. Nos tempos modernos, a droga tem sido utilizada para fins recreativos, religiosos ou espirituais, ou para efeitos medicinais. As Nações Unidas estimam que cerca de quatro por cento da população mundial (162 milhões de pessoas) usam maconha pelo menos uma vez ao ano e cerca de 0,6 por cento (22,5 milhões) consomem-na diariamente. A posse, uso ou venda da maconha se tornou ilegal na maioria dos países do mundo no início do século XX; desde então, alguns países têm intensificado as leis que regulamentam a proibição do produto, enquanto outros reduziram a prioridade na aplicação destas leis.

A atual proibição da maconha criminaliza vários grupos de jovens, que em suma não têm um tendência a ser criminosos e que são levados ao sistema prisional simplesmente pelo ato de fumar maconha e que aí sim, dentro das prisões tem grande potencial em se tornar um verdadeiro criminoso devido ao ambiente que o mesmo é exposto.

Para se ter uma ideia, dados do FBI apontam para um o maior número de prisões efetuadas nos Estados Unidos em 2010 foi por violações relacionadas a drogas. Dos presos, 81.9% foram devidos a possessão de drogas, desse número, quase a metade era por  maconha.

Nos Estados Unidos mesmo 18 estados já permitem programas de maconha medicinal, sendo que Washington e o Colorado também legalizaram a maconha para fins recreacionais, sendo pioneiros no quesito legalização da maconha.

A legalização da maconha é interessante para a sociedade de bem, que deixará de ficar no meio de uma guerra, que em suma é um massacre às classes pobres do mundo.

1 comments:

michel disse...

tem ke ser liberado msm o consumo naum fax maul pra ninguem enkuanto o povo fika nessa muita gente morre no meio de tantas guerras

Postar um comentário

 
 

NÃO COMPRE, PLANTE!

 

Vamos curtir galera!

Esquadrilha da Fumaça

Visitas

 
Real Time Web Analytics